Abobrinha refogada ao molho de tomates e almôndegas de lentilha

Essa é daquelas receitas que vieram fácil na cabeça. Não pensei muito, a ideia simplesmente veio. Na primeira vez que fiz, queria usar berinjelas defumadas para dar mais sabor ainda às almôndegas, e deu mais ou menos certo. Segundo o marido, deu muito certo. Mas a chata aqui, achou que ficaram meio molengas, faltou consistência. Dessa vez, decidi testar a receita novamente, mas como tinha sobrado uma salada de quinoa com legumes assados que fiz na noite anterior, resolvi usar as sobras para fazer as bolinhas.

Só tive que cozinhar as lentilhas, que dessa vez usei a do tipo rosa (super rápida de cozinhar) e deixei secar bastante no fogo para eliminar a água e evitar a molenguice da outra vez. Então, fiz um creme com ela usando o mixer de mão e juntei com a salada de quinoa. Ficou na consistência perfeita! Não precisou de ovo e nenhum tipo de farinha. Me senti vitoriosa!

Fiz um molho de tomates bem rápido, com alho, azeite, sal e tomates pelados.

A abobrinha aqui imita macarrão, e como tinha uma cenoura dando sopa, também passei no cortador que deixa tudo em tirinhas. Refoguei com um pouquinho de sal e azeite e voilà! Almoço pronto!

Almôndegas de lentilha e quinoa com legumes

  • 1 xícara de quinoa vermelha
  • 1 cenoura
  • 1 berinjela
  • 1 abobrinha
  • 1 cebola roxa pequena
  • 1 cebola branca
  • 3 dentes de alho
  • 1 xícara de lentilha rosa

Corte os legumes em pedaços mais ou menos iguais, pode ser em cubos ou meia luas, não muito pequenos. Tempere com sal, azeite e pimenta do reino e leve ao forno bem quente (250C) por aproximadamente 30 minutos. Enquanto isso cozinhe a quinoa com 2 xícaras de água até secar. Em outra panela faça o mesmo com a lentilha. Misture os legumes e a quinoa. Passe a lentilha no processador ou mixer e misture tudo: os legumes, quinoa e pasta de lentilhas. Forme bolinhas e leve ao forno por 15 minutos (vire na metade do tempo).

Molho de tomates rápido

Pique três dentes de alho e refogue no azeite. Acrescente duas latas de tomate pelado e tempere com sal. Deixe cozinhar em fogo médio por 15 minutos. Com o mixer processe levemente, deixando alguns pedacinhos de tomate.

IMG_3871.jpg

Anúncios

Estrogonofe de palmito

IMG_2285

É, eu acabei de escrever no último post que não gosto de dar o mesmo nome pra pratos versão natureba, mas devo dizer que esse estrogonofe tem gostinho do que eu comia na infância, então, por isso, me reservo o direito de chamar essa receita de estrogonofe! 😀

Desde que parei de comer carne, sempre senti falta do molhinho rosinha do estrogonofe, mas mesmo com vontade de comer, não consigo engolir a carne. Quando encontrei essa receita foi pura felicidade! Já variei bastante os ingredientes: ao invés do palmito, usei abobrinha, abóbora menina, cogumelos… geralmente algum legume mais durinho.

Na semana passada achei o palmito pupunha fresco no mercado (e num preço bom) e testei pela primeira vez sem o palmito em conserva e ficou muuuito melhor. Para acompanhar sempre faço umas batatas no forno com alecrim, sal e azeite. Pode ser batata doce ou asterix e de vez em quando também gosto da palha 😀

Ah, também dá pra tirar o creme de leite e colocar leite de coco ou algum leite vegetal.

Então vamos para a receita!

  • 400g (ou 1 vidro de palmito, 1 abobrinha e 1 bandeijinha de cogumelo paris fresco)
  • 1 cebola e 2 dentes de alho picados
  • 2 col. de sopa de extrato de tomate
  • 1 tomate maduro picado (opciona)
  • sal e pimenta a gosto
  • 1 caixinha de creme de leite
  • 1 xícara de água

Refogar a cebola e o alho com um pouquinho de azeite. Acrescentar o tomate e deixar cozinhar bem. Adicionar os legumes que você escolheu e refogar. Adicionar o extrato de tomate e água, temperar com sal e pimenta e deixar cozinhar com a tampa por 5 minutos. Desligar o fogo e acrescentar o creme de leite. Misturar e servir! Hummm

Escondidinho de mandioca com legumes

IMG_2242

Mandioca, assim como o coco, é outro ingrediente fantástico. Quantas coisas podemos fazer com essa raiz tão nutritiva: farinha, goma de tapioca, tucupi, polvilho…. e esse escondidinho bem gostoso!

A receita foi inspirada em um almoço que um casal de amigos fez pra gente quando fomos visitá-los, um escondidinho vegetariano! Eu adorei a ideia de usar a mandioca no lugar da batata, só me fez lembrar o quanto essa raiz é saborosa e que deveríamos usá-la mais na cozinha.

Da primeira vez que eu tentei reproduzir a receita foi um caos na cozinha! Cozinhei os pedaços de mandioca na panela comum e na hora de amassar, achei que o garfo ia dar conta (meu amassador de batatas quebrou :() e haja braço pra transformar tudo aquilo em purê… imagina a bagunça rs

Dessa vez, cozinhei bastante tempo na pressão e usei meu amado mixer de mão que me dei de Natal, fácil, fácil. O que eu mais gosto dessa receita é que é muito prática, é só refogar os legumes que você tiver na geladeira, dar o seu temperinho e colocar no forno! Nesse frio então, sempre é bom comer esses assados ❤ Essa é receita que eu fiz da última vez, mas certeza que dá próxima já vai ser diferente 😀

  • 700g de mandioca
  • 2 berinjelas, 1 abobrinha, 2 cenouras em cubinhos (o que eu tinha na geladeira, voceê pode colocar o que mais gostar)
  • 1 cebola grande picada
  • 3 dentes de alho picado
  • 1 maço de salsinha
  • Orégano, sal, pimenta e azeite a gosto

Refogar a cebola, alho e todos os legumes na panela e temperar bem. Cozinhar a mandioca na pressão por aproximadamente 30 minutos. Quando sair toda a pressão, abra a tampa e bata tudo com um mixer de mão (não jogue a água fora, ela vai ajudar a dar a consistência de purê)* e tempere a gosto. Em um refratário espalhe os legumes e por cima o purê de mandioca. Se quiser, rale parmesão por cima e leve ao forno alto por 20 minutos. Se você tiver a opção grill no seu forno, use… como o meu não tem, meu escondidinho ficou assim meio sem cor. 😛

Aproveite!

*eu raramente uso leite ou creme de leite em purês… pode usar água mesmo!! é só temperar bem depois 🙂