Legumes assados e tostados

Na escola onde trabalho toda semana tem feira orgânica. É uma delícia! As crianças adoram ficar atrás da barraca ajudando e brincando de feira. Há duas semanas encontrei cenouras bonitas, com as ramas, pequeninas, pedindo para serem levadas. Na hora me lembrei de uma receita da Vivian, do Francinha Cooks, de cenouras assadas. Levei. Cheguei em casa e cortei as folhas verdes, lavei bem, as enfileirei em um forma anti-aderente, coloquei sal, azeite e sumo de um limão e forno bem quente por 40 minutos (virando de vez em quando para dourarem por inteiro). Ficou tão bom que nem me lembro qual era o prato principal. As cenouras foram as estrelas.

17229995_1593639117332129_1805821726_o

Também levei beterrabas naquele dia. E lembrei de outra receita, dessa vez da Dani Noce. Corte as beterrabas em gomos (não muito grandes) e coloque em papel alumínio.Tempere com sal, azeite, pimenta do reino e limão e feche formando uma trouxinha. Leve a forno bem quente por 40 minutos. Nham! As minhas até vazaram um pouquinho, queimando em baixo, criando uma crostinha ma-ra-vi-lho-sa. Viva a reação de Maillard!

17237276_1597269340302440_1082373751_o

E pra completar minha semana apaixonada por legumes assados e tostados, comprei quiabos no mercado (desta vez não foram orgânicos0) e cortei no meio. Mais uma vez: sal e azeite e forno bem quente. Em 15 minutos estavam prontos! Lembrando de virar para tostar dos dois lados. Ficou super crocante, um sabor incrível! Eu amo quiabo de qualquer jeito, mas esse ficou bem diferente, vale provar.

Mesmo no calor que está fazendo aqui em São Paulo, não me arrependi de ligá-lo e cheguei a conclusão que os legumes são muito mais gostoso assados. Tudo muito simples e incrivelmente saboroso! Você pode variar os temperos, adicionando páprica, cúrcuma, orégano, alecrim, sálvia, manjericão, alho, shoyu, azeite balsâmico… e misturando com qualquer legume: batata, batata doce, berinjela, abobrinha, cebola, tomate, pimentão, abóbora, brócolis…o que você tiver em casa.

Queimadinho assim é sempre mais gostoso!

17200846_1597269333635774_413264674_o

Anúncios

Escondidinho de mandioca com legumes

IMG_2242

Mandioca, assim como o coco, é outro ingrediente fantástico. Quantas coisas podemos fazer com essa raiz tão nutritiva: farinha, goma de tapioca, tucupi, polvilho…. e esse escondidinho bem gostoso!

A receita foi inspirada em um almoço que um casal de amigos fez pra gente quando fomos visitá-los, um escondidinho vegetariano! Eu adorei a ideia de usar a mandioca no lugar da batata, só me fez lembrar o quanto essa raiz é saborosa e que deveríamos usá-la mais na cozinha.

Da primeira vez que eu tentei reproduzir a receita foi um caos na cozinha! Cozinhei os pedaços de mandioca na panela comum e na hora de amassar, achei que o garfo ia dar conta (meu amassador de batatas quebrou :() e haja braço pra transformar tudo aquilo em purê… imagina a bagunça rs

Dessa vez, cozinhei bastante tempo na pressão e usei meu amado mixer de mão que me dei de Natal, fácil, fácil. O que eu mais gosto dessa receita é que é muito prática, é só refogar os legumes que você tiver na geladeira, dar o seu temperinho e colocar no forno! Nesse frio então, sempre é bom comer esses assados ❤ Essa é receita que eu fiz da última vez, mas certeza que dá próxima já vai ser diferente 😀

  • 700g de mandioca
  • 2 berinjelas, 1 abobrinha, 2 cenouras em cubinhos (o que eu tinha na geladeira, voceê pode colocar o que mais gostar)
  • 1 cebola grande picada
  • 3 dentes de alho picado
  • 1 maço de salsinha
  • Orégano, sal, pimenta e azeite a gosto

Refogar a cebola, alho e todos os legumes na panela e temperar bem. Cozinhar a mandioca na pressão por aproximadamente 30 minutos. Quando sair toda a pressão, abra a tampa e bata tudo com um mixer de mão (não jogue a água fora, ela vai ajudar a dar a consistência de purê)* e tempere a gosto. Em um refratário espalhe os legumes e por cima o purê de mandioca. Se quiser, rale parmesão por cima e leve ao forno alto por 20 minutos. Se você tiver a opção grill no seu forno, use… como o meu não tem, meu escondidinho ficou assim meio sem cor. 😛

Aproveite!

*eu raramente uso leite ou creme de leite em purês… pode usar água mesmo!! é só temperar bem depois 🙂

Sopa Mágica

IMG_2054

Em um domingo à noite, friozin, já cansados passamos no supermercado. Aquele pesar de ser quase segunda-feira já pairava no ar. Olhávamos o preço dos produtos, e o desânimo tomava conta. Banana para a semana, tá faltando cândida, não esquece de pegar a farinha! Hora de ir pro caixa. Peraí, o que vamos comer de janta? Peguei um pacote de ervilha, uma cenoura e uma maço de coentro. Vamos, que hoje vai ter sopa! E aí o clima já mudou… vai ter sopa! ❤

Fazer sopa, ou um bom cozido de panela, também é algo mágico. Tudo numa mesma panela e em pouco tempo ter algo tão gostoso e que esquenta não só o corpo, mas a alma… só pode ser magia! 🙂 Fora que nesse dia também me senti um pouco maga ou bruxa colocando temperos no caldeirão, fazendo cheiros, texturas e mexendo tudo com a colher. (filha de bruxinha, bruxinha é, né mãe? Aliás, as sopas da minha mãe são sempre as mais gostosas!!)

Primeiro, refoguei a cebola, alho e a cúrcuma. Adicionei sal, páprica picante, um pouco de cominho e da cebolinha e os talos do coentro. Deixei que tudo ficasse dourado, cortei as cenouras em rodelas e coloquei junto com as ervilhas. Cobri com água e fechei a tampa da panela de pressão, por conta do tempo. Depois de 20 minutos, tudo tinha secado e grudado um pouquinho no fundo. Mas sem desespero. Adicionei água quente e bati tudo no liqüidificador. Acertei o tempero e servi com um fio de azeite, páprica e folhas de coentro. Amor na tigela. Estávamos prontos pra comer a semana. ❤