Pão de queijo colorido

Na escola onde eu trabalhava, uma das professoras já tinha feito a receita de pão “falso” de queijo de mandioquinha da Bela Gil e foi um sucesso. As crianças e bebês adoraram e fica realmente muito saboroso. Nem dá pra sentir falta do queijo, mas é claro que você pode adicionar na receita caso não tenha nenhum tipo de restrição.

IMG_2919

Na semana passada, decidi testar a receita com uma aluna particular e resolvi incrementar um pouco, fazendo suco de beterraba e couve para tingir os pãezinhos. Eles ficaram lindos e bem gostosos. Acabaram murchando um pouco quando saíram do forno, mas comemos todos quentinhos mesmo assim.

É uma ótima ideia pra fazer com as crianças na escola e explorar os alimentos que podem servir de tintas naturais nas receitas… tudo sem corante artificial, por favor!!

IMG_2917

Aqui vai a receita, da própria Bela Gil. Para os pães de beterraba e couve, substitua a mandioquinha por batata ou batata doce e a água pelo suco dos dois vegetais.

  • 200g de polvilho azedo
  • 300g de polvillho doce
  • 150ml de azeite de oliva
  • 500g de mandioquinha (cozida e espremida) (use batata se estiver fazendo os pães coloridos)
  • 1/3 de xícara de água (para fazer pães coloridos, use suco de beterraba ou couve)
  • 1 colher (chá) de sal marinho
  • 1 colher (sopa) de orégano, alecrim, manjericão ou açafrão da terra (para ficar mais amarelinho)
  • 200g queijo ralado (opcional)

Misture todos os ingredientes, deixando a água ou sucos por último para dar o ponto (desgrudar das mãos). Se quiser, adicione o queijo ralado. Faça bolinhas e leve ao forno pré-aquecido a 180C por 20 minutos, ou mais para dourar. Se sobrar muito, coloque as bolinhas de massa não assadas enfileiradas em um forma no congelador e após 3 horas transfira para um saquinho. Perfeito pra lancheira das crianças ou café da manhã.

IMG_2918

 

Panquecas para o café da manhã das férias

Já faz um tempo eu queria postar receitas para fazer com as crianças nas férias. Ou na escola (para minhas colegas professoras). E essa é uma ótima para começar, pois além de ser deliciosa, é fácil e divertida.

Essa da foto aqui embaixo foi feita durante uma aula particular de inglês com uma criança de oito anos. Foi super divertido e rápido de fazer e ela adorou! Ela mesma que colocou a massa na frigideira e virou e se sentiu super autônoma e feliz por estar cozinhando algo super gostoso! A cozinha é mágica mesmo…

Essas panquecas são aquelas que ficam bem fofinhas e altas, bem no estilo americano. Leva ovos, leite e farinha de trigo, inimigos da alimentação saudável, certo? Errado se você consumir com moderação. Panquecas são parte de um café da manhã especial e provavelmente você não irá (e não deva) fazê-las todos os dias. Maaaas, se você não pode ou não quer consumir esses produtos vou te dar uma dica: substitua o ovo por uma banana amassada, o leite por água ou algum leite vegetal, e a farinha pode ser integral. Nunca testei outros tipos de farinha, mas acredito que dê pra fazer com farinha de grão de bico, polvilho, linhaça ou uma mistura delas.

1 ovo
1 xícara de leite
1 xícara de farinha de trigo
(com esses três primeiros ingredientes já dá pra fazer as panquecas que foi a receita da foto)
2 colheres de sopa de manteiga derretida (opcional, fica mais saboroso)
1 pitada de sal
1 colher de sopa de fermento em pó
(os último ingredientes são pra deixá-las mais saborosas e mais fofinhas)

Misture tudo em uma tigela grande. Aqueça uma frigideira anti aderente e quando estiver bem quente, derrame uma concha da mistura de panquecas. Quando as bordas começarem a ficar mais amarelas, vire a panqueca e vá checando para não queimar. Empilhe as panquecas e sirva com calda, frutas, iogurte ou mel. Nessa da foto usei frutas vermelhas que coloquei uma panelinha com 1 colher de sopa de açúcar e deixei ferver por 8 minutos. Divirtam-se!