Suco do sol ou Limonada de açafrão da terra com gengibre da Paola

IMG_2214

Quando fiz a aula com a Paola no Ateliê Muriqui (contei sobre isso aqui), ela preparou essa limonada logo no começo, para nos receber. Eu nunca tinha imaginado fazer um suco de cúrcuma, afinal, essa especiaria é mais conhecida por nós em currys e pratos salgados. Mas não é que fica muito gostoso? É um sabor super diferente e nosso paladar precisa se acostumar, mas com a ajuda do gengibre e do limão fica mais fácil 😉

Recentemente a Bela Gil postou um vídeo no seu canal do Youtube sobre os benefícios da cúrcuma, e ela diz que alguns estudos apontam que ela é mais eficaz do que o ibuprofeno e é super antibacteriana e anti-inflamatória, assim como o gengibre. Nesses dias frios que tem feito em São Paulo, a sinusite insiste em me perseguir, por isso estou fazendo o suco (quase) todos os dias. No primeiro, coloquei muito limão e ficou bem forte, da segunda vez usei abacaxi para adoçar e ficou perfeito. Aliás, a versão com abacaxi está no cardápio do Arturito 😉

  • 1 pedaço de cúrcuma pequeno (umas 4 rodelas) ou 1 colher de sopa rasa de cúrcuma em pó
  • a mesma quantidade de gengibre
  • 1 limão espremido (pode ser qualquer tipo, tahiti, cravo ou siciliano)
  • 1 copo de água ou água de coco
  • mel ou melado a gosto (opcional)
  • 2 rodelas de abacaxi (opcional)

Bater tudo no liquidificador bastante. Não precisa coar 😉

Rende 1 copo.

Saúde!

Anúncios

Sopa de abóbora com gengibre

IMG_1991

Abóbora cabotiá, coentro, cebolinha, gengibre, cúrcuma (achei a cúrcuma na Feira Orgânica do Ibirapuera, em São Paulo), cebola e alho.

Corte a cebola em cubos e ligue o fogo. Quando a panela esquentar, jogue azeite (o suficiente para cobrir o fundo da panela com uma fina camada) e refogue a cebola. Se começar a fritar muito rápido, abaixe o fogo e adicione uma pitada de sal. Isso vai fazer a cebola soltar água e não queimá-la. Eu gosto de colocar o alho só depois da cebola estar bem douradinha (já queimei muitos pedacinhos de alho antes…) mas isso vai do gosto de cada um.

Coloque a abóbora cortada em cubos grandes. Se for orgânica, pode colocar a casca junto! Se não vai dar um pouco de trabalho tirá-la, mas não deixe de fazer você mesmo. Quando fui comprar essa abóbora da foto, passei pela prateleira dos “já-embalados-descascados-e-cortados” pra descobrir que o preço da cabotiá fica R$85 o quilo!!!! Além de produzir mais lixo (bandeijinha de isopor) e te poupar de tocar no alimento para prepará-lo (é só jogar direito na panela), ainda sai bem mais caro pro seu bolso.

Continuando… Misture bem com uma colher e adicione os talos do gengibre e a cebolinha picados. Você pode usar uma tesoura e ir cortando direto na panela (Santa Nigella!!). Depois, coloque a cúrcuma e o gengibre em rodelas pra dourar também. Sal e pimenta a gosto e cubra com água. Tampe e espere até tudo ficar macio.

Depois é só bater tudo no liquidificador ou usar um mixer de mão (muuuuito prático!) e servir com uma fio de azeite, páprica, cebolinha e coentro frescos e um bom pão. hummmmmmmmm

IMG_1995

gente, eu não ia colocar a receita certinha, pois não é assim que eu faço. mas, vou tentar organizar aqui pra vocês:

Sopa de abóbora com gengibre

  • meia abóbora cabotiá cortada em cubos (300g a 500g)
  • um pedaço de gengibre de 3 cm em fatias
  • um pedaço de cúrcuma de 3 cm em fatias (ou 1 colher de de chá cheia de cúrcuma em pó)
  • 1 cebola cortada em cubinhos
  • 2 dentes de alho (ou mais… eu coloco bastante :D)
  • 1 maço de coentro
  • 2 talos de cebolinha
  • 2 colheres de sopa de azeite
  • sal e pimenta a gosto
  • 1 litro de água

Refogar tudo em uma panela com azeite e cobrir com a água. Espere que tudo fique macio e bater no mixer.